You are currently viewing Você come por fome ou por emoção? Descubra se a sua dieta é emocional

Você come por fome ou por emoção? Descubra se a sua dieta é emocional

Uma rotina estressante alinhada a uma vida sedentária pode ser um fator de risco para um comportamento chamado fome emocional.

A nossa mente desenvolve diversos mecanismos de defesa para lidarmos com fases ou momentos estressantes e a fome emocional é um deles. O problema é que esta é uma forma extremamente problemática de lidar com os problemas e que leva você a prejudicar sua saúde. 

O que é fome emocional?

Para muitas pessoas, ao final de um dia de trabalho ou estudos intensos, a vontade de comer um pedaço de pizza ou um chocolate é quase incontrolável. 

Nesses momentos, é como se apenas alimentos como fastfood ou doces fossem capazes de saciar o seu apetite! Porém, essa vontade específica é um alerta perigoso de que você está buscando conforto na comida. 

A fome emocional é um tipo de fome que não vem do seu corpo e sim da sua mente. Quando ela acontece, você não sente os sinais típicos da fome como a sensação de barriga vazia, dor de cabeça ou algum tipo de mal estar físico. 

Na verdade, você sente que precisa de algum alimento gostoso e não de uma refeição nutritiva para repor suas energias. 

Dessa forma, o primeiro passo para identificar a fome emocional é prestar atenção nos momentos em que você sente essa fome: 

  • É após um dia muito estressante?
  • É após um acontecimento que deixou você ansioso ou nervoso?
  • É após algum conflito? 

Como controlar a fome emocional?

Quem convive com esta questão sabe como pode ser difícil controlar os impulsos da fome emocional, principalmente quando ela está associada a um transtorno de ansiedade.

Você pode gostar também::: Levar a vida de forma mais leve é ótimo para a saúde!

Porém, existem algumas dicas que podem ajudar você nesse controle:

  • Escute o seu corpo: como mencionamos anteriormente, o seu corpo dá sinais quando é hora de comer. Por isso, antes de comer, tire um momento para entender se essa fome está atrelada a uma resposta emocional.
  • Tenha um planejamento alimentar: ter um horário pré-estabelecido para as refeições é a melhor forma de garantir que você está comendo o suficiente e não passando dos limites. Inclusive, um bom plano alimentar garante bons níveis de nutrientes e ajuda você a manter um bom controle de porções. E nós podemos ajudar você com isso!
  • Encontre formas de gerenciar o estresse: em grande parte dos casos a fome emocional pode ser contornada quando encontramos outras formas de aliviar o estresse. Atividade física, por exemplo, é um importante aliado nesse controle!

Seja em um processo de emagrecimento ou apenas para a manutenção do peso saudável, comer bem é fundamental para manter o equilíbrio no seu corpo! E se você gostou desse artigo e quer saber mais sobre dieta, treinos e qualidade de vida, siga a WA também nas redes sociais. Nós estamos no Instagram e no Facebook.